Tem dúvidas ou precisa de uma ajuda?
Aqui a gente fala sobre vários assuntos importantes para a sua saúde, a sua fertilidade, a sua autonomia. Pode entrar, fica à vontade!"
Fale com a gente
e: alo@oya.care
t: +55 11 95592 2545
Se você tem perguntas sobre o exame, dúvidas sobre a sua fertilidade ou se quer apenas bater um papo com a nossa equipe, manda um WhatsApp pra gente!
Mandar mensagem
Perguntas frequentes
Antes de tudo: esse teste é pra mim?
Tem idade para fazer o teste?
Precisa fazer jejum?
E Biotina, o que é?
Pode beber?
Tem um dia certo para fazer o exame?
Quero acompanhar minha fertilidade. De quanto em quanto tempo preciso fazer o exame?
A Oya aceita meu plano de saúde?
Precisa de pedido médico pra fazer o exame?
Como é o teste? É uma exame de sangue normal?
Quem vem fazer o teste em mim?
Fala a verdade: vai doer?
É seguro?
Fazer o exame dá algum efeito colateral?
Tenho síndrome do ovário policístico (SOP). Posso fazer o exame?
Tenho endometriose. Posso fazer o exame?
Uso de anticoncepcional influencia o resultado?
Posso fazer o exame menstruada?
Precisa fazer jejum? E beber, pode?
Vou precisar de algum documento?
Quero mudar o dia e horário do meu exame. Como faz?
Não vejo a hora de sair o resultado. Quando sai?
Como vejo o resultado?
Me explica mais sobre o resultado?
Hm... E se der ruim? O que eu faço?
Já fiz o exame. Como marco a teleorientação?
Antes de tudo: esse teste é pra mim?

O exame do hormônio antimülleriano é pra todas as mulheres que querem entender melhor sua fertilidade: essa parte da nossa vida que sempre levanta tantas dúvidas e perguntas. Se você quer ser mãe um dia, não quer, ou não sabe, esse teste vai te ajudar a planejar sua vida, sem ter que contar só com a sorte. Ah, nosso quiz tá aí também pra te ajudar a saber se já é hora de pensar nesse assunto. Aqui tem algumas perguntas básicas para te ajudar!

Tem idade para fazer o teste?

O teste é pra toda mulher que quer saber mais sobre sua saúde fértil — ou seja, não tem idade. Acaba que o exame é mais útil para mulheres a partir dos 25 anos que querem ter filhos (um dia). Isso porque nossa reserva de óvulos (que já nasce com a gente e só vai diminuindo ao longo da vida) diminui a partir dos 30, e num ritmo mais acelerado a partir dos 35 anos. Então o teste é um bom aliado pra saber em que pé nossa fertilidade está.

Precisa fazer jejum?

Não precisa! Pode comer, pode beber. Bom né? Só tem que parar de tomar biotina (ou suplementos que contenham biotina, leia o rótulo!) por pelo menos 3 dias antes da coleta. Nada demais.

E Biotina, o que é?

Biotina é um tipo de vitamina que é tudo de bom pras unhas, pra pele e pro cabelo. Alguns suplementos podem ter esse tipo de vitamina na composição justamente pra fortalecer as madeixas e as unhas e pra deixar nossa pele ainda mais linda.

Pode beber?

Pode sim, fica tranquila. O álcool não mexe com o resultado do exame!

Tem um dia certo para fazer o exame?

A recomendação é marcar o exame no 2o ou 3o dia do seu ciclo. Não tem problema fazer nos outros dias, mas se você planeja fazer o exame de tempos em tempos para acompanhar sua fertilidade, o melhor é você marcar sempre no mesmo dia do seu ciclo. Assim, dá pra ter uma análise mais exata na comparação dos resultados de um exame pro outro.

O AMH não precisa ser medido no início da fase folicular, ou seja, nos primeiro dias do ciclo. Outros exames hormonais (como por exemplo, FSH, LH, E2, progesterona e contagem de folículos) precisam ser feitos no início do ciclo para uma interpretação correta.

Se você quiser investigar, segue aqui um link para um artigo que gostamos muito.

Quero acompanhar minha fertilidade. De quanto em quanto tempo preciso fazer o exame?

Em geral, o ideal é fazer o exame todo ano, especialmente a partir dos 28 anos. Mas só o médico que te acompanha vai saber te dizer a frequência certa para o seu corpo e a sua necessidade.

A Oya aceita meu plano de saúde?

Os convênios particulares ainda não cobrem o exame do hormônio antimülleriano. O SUS também não oferece esse exame ainda, então hoje só é possível fazer no particular.

Precisa de pedido médico pra fazer o exame?

Você não precisa de pedido médico pra marcar seu exame com a Oya. Com o agendamento, você já tem direito a uma teleorientação com um de nossos médicos especialistas na área, de extrema confiança. Mas se você quiser levar seus resultados pro médico que já te atende, tudo bem também, viu?

Como é o teste? É uma exame de sangue normal?

Sim, é o exame de sangue que você já conhece. Só que na sua casa!

Assim você não tem que se preocupar em ir até o laboratório no meio da sua rotina. É só escolher o melhor dia e o horário que uma enfermeira Oya vai até você. Se quiser, a gente te manda uma mensagem confirmando na véspera. E você pode mudar o seu agendamento a qualquer momento, tudo online.

Quem vem fazer o teste em mim?

Uma enfermeira Oya vai até você fazer a coleta. São profissionais de extrema confiança que já passaram pelo treinamento especial da Oya. Elas tomam todas as medidas de proteção possíveis e recomendadas, então pode ficar tranquila.

Fala a verdade: vai doer?

Você só vai sentir uma picadinha. É igualzinho à coleta de sangue que você faz para os exames de rotina. Nada de novo!

É seguro?

Sua segurança é prioridade para a Oya. As enfermeiras Oya têm anos e anos de experiência e usam a agulha borboleta (a Scalp Vacutainer 23) pra garantir o máximo conforto durante a coleta.

Fazer o exame dá algum efeito colateral?

O exame de sangue para testar o hormônio antimülleriano não dá efeito colateral nenhum. Se você sentir qualquer mal-estar, melhor falar com seu médico (a gente pode te ajudar a encontrar um, se precisar!).

Tenho síndrome do ovário policístico (SOP). Posso fazer o exame?

Claro que pode! Só lembra de avisar o médico especialista que for analisar seus resultados junto com você — é uma informação super importante.

Tenho endometriose. Posso fazer o exame?

Pode, claro! Só avisar o médico especialista na hora da teleconsulta, combinado? Isso faz toda a diferença para a interpretação do seu exame.

Uso de anticoncepcional influencia o resultado?

Pílulas anticoncepcionais e outros tratamentos hormonais podem ter uma influência na dosagem do HAM. Não deixe de avisar o médico especialista na hora da teleorientação, combinado? Isso faz toda a diferença para a interpretação do seu exame.

Posso fazer o exame menstruada?

Sim, você pode fazer o exame mesmo quando estiver menstruada.

Precisa fazer jejum? E beber, pode?

Não precisa fazer jejum, nem abrir mão do happy hour. Pode comer, pode beber. Bom né? Só tem que parar de tomar biotina (ou suplementos que contenham biotina, leia o rótulo!) por pelo menos 3 dias antes da coleta. Nada demais.

Vou precisar de algum documento?

Na hora da coleta, a enfermeira Oya vai pedir seu RG ou CNH. É questão de segurança!

Quero mudar o dia e horário do meu exame. Como faz?

O link pra reagendar seu exame tá no e-mail de confirmação que enviamos pra você. Só clicar e escolher o (novo) melhor dia e horário, quantas vezes precisar. Não se acanhe. 😉

Não vejo a hora de sair o resultado. Quando sai?

O resultado do exame volta, geralmente, em 10 a 15 dias depois da coleta. Segura coração!

Como vejo o resultado?

Vamos te enviar uma mensagem no whatsapp e um e-mail com os resultados, pra você guardar e poder ver sempre que quiser. Logo-logo você também vai poder acessar seus resultados pelo portal da Oya, se for mais fácil pra você.

Me explica mais sobre o resultado?

Bom, o exame da Oya identifica quanto hormônio antimülleriano tem no seu sangue, certo? Esse hormônio tá relacionado ao tamanho da sua reserva ovariana (ou seja: seu estoque de óvulos). Então quanto mais hormônio, mais fértil, né? Bem, mais ou menos. É que a quantidade que a gente considera “normal” varia com a idade, além de outros fatores que influenciam muito, como o estilo de vida e o histórico médico e familiar. Então só um médico especialista pode olhar pro que vier do seu exame e interpretar o que significa pra você. Mas fica tranquila que você vai saber e entender tudo certinho. Combinado?

Hm... E se der ruim? O que eu faço?

Serão muitas emoções, mas pode ficar tranquila que a Oya vai estar do seu lado, do começo ao fim. Se seus níveis de hormônio antimülleriano estiverem abaixo do ideal para a sua idade, o médico especialista da sua teleorientação vai te orientar sobre o que você pode fazer, agora que você tem esse resultado na mão. E a Oya vai te ajudar a encontrar o que você precisar pra dar esses próximos passos: médicos, clínicas, psicóloga. Estamos juntas.

Já fiz o exame. Como marco a teleorientação?

Se você já fez o exame, agora é só esperar. A gente vai falar com você na hora que sair o seu resultado — aí sim vai ser a hora de marcar sua teleorientação.